Ainda impactados com o drama vivido pelas vítimas, diretas e indiretas, da tragédia socioambiental de Mariana, resultante do rompimento da Barragem do Fundão da Mineradora Samarco, empresa da Vale S.A e da BHP Billinton, somos chamados a refletir eticamente sobre a relação entre Evangelização e Mineração.

1446835038978
A destruição da lama de rejeitos após o rompimento da barragem da mineradora Samarco em Mariana, Minas Gerais. Foto:Corpo de Bombeiros/MG

Muitos defendem a importância social de uma empresa: geração de empregos, movimentação da complexa rede do comércio, pagamento de impostos etc. Mas entre esses muitos, são poucos os que levam a sério a  responsabilidade da empresa e do Estado diante do cuidado da casa comum, da garantia de segurança das pessoas e da igual dignidade de toda pessoa humana. Muitos desejam, por interesses eticamente questionáveis, flexibilizar a atual legislação socioambiental com seus processos de licenciamento. Mas entre esses muitos, são poucos os que defendem a igual dignidade cidadã dos mais pobres e socialmente vulneráveis. Como veremos, em Minas Gerais as coisas não são diferentes.

Como fica o cristão que, em Jesus Cristo, fez aliança com o Deus da vida, diante da complexa questão da Mineração? Qual a relação entre evangelização e mineração?

A postura de solidariedade para com as vítimas e de defesa da dignidade cidadã dos mais pobres é central, mas não basta. Importa aprender a cuidar da casa comum, como nos pede o Papa Francisco na Encíclica Laudato Si, e cuidar da dimensão sociopolítica da fé. É preciso cuidar da formação da consciência crítica para não sermos ingênuos ou inocentes úteis.

arbeiter-suchen-nach-ueberlebenden-nach-dem-katastrophalen-dammbruch-in-bento-rodrigues-doch-die-hoffnungen-schwinden-
Imagem da destruição do distrito de Bento Rodrigues. Fotos

Para nos ajudar nessa formação o Núcleo de Estudos Sociopolítico da PUC Minas – NESP, na celebração de seus 10 anos de caminhada, nos oferece precioso presente: um número inteiro, edição especial, do Contextus sobre a complexidade da mineração no Estado de Minas Gerais. O Observatório da Evangelização, pela pertinência da questão, o disponibiliza aqui. Vale a pena conhecer. Desejamos a todos, uma boa leitura:

Contextus Nesp

Para acessar ao documento clique aqui: Contextus – 016 – dez2015

Anúncios